TRATAMENTOS

Como funciona o laser de CO2 Fracionado

Como funciona o laser de CO2 Fracionado

A partir dos 28 – 30 anos, o poder de recuperação começa a entrar em declínio provocando o envelhecimento facial. Apesar de os traços no rosto indicarem experiência, algumas pessoas não os encaram com tanta sabedoria, mas com algum desconforto. Veja agora como funciona o Laser CO2 Fracionado, para amenizar este desconforto.

O avanço da cirurgia plástica e o desenvolvimento de algumas técnicas não invasivas de recuperação do viço da pele trouxeram nova perspectiva àqueles a quem as “marcas de expressão” incomodam.

O que é?

Nesta linha, o Laser CO2 inovou o mercado apresentando mais uma opção de rejuvenescimento facial. O “Resurfacing” ou “Peeling” com o Sistema Laser CO2 remove com muita eficácia camadas da pele, provocando a substituição das células envelhecidas.

A execução do Laser CO2 fracionado é comandado por um computador que determina a exata profundidade da penetração do laser na pele. Uma “luz guia” indica o local onde o laser atingirá a superfície cutânea na qual, imediatamente, forma-se uma crosta devido ao ressecamento dos tecidos atingidos. Essa tecnologia garante o atingimento de camadas mais profundas da derme, maior precisão, menor tempo e recuperação mais confortável e, porque o laser alcança maior profundidade, obtém-se mais fibrose no local e, como conseqüência, resultados mais duradouros.

O Fotorejuvenescimento a Laser CO2 é mais uma técnica indicada para tratamento de envelhecimento facial. É comum que várias técnicas sejam combinadas. BOTOX, Preenchimentos, “Peelings” superficiais e médios, Bioplastia, Fio Russo, Thermacool, Fotorejuvenescimento a Laser e tratamentos com cremes, constituem a base sob a qual uma grande quantidade de problemas estéticos associados ao envelhecimento podem ser resolvidos ou minimizados.

Como funciona?

O feixe do laser de CO2 fracionado é separado em vários microfeixes de luz, com isso, atinge micropedaços das camadas mais profundas da pele, deixando áreas de pele intacta entre as ilhotas de pele atingida. É essa pele que não foi afetada que vai facilitar a cicatrização das colunas de tecido atingidas pelo laser, permitindo a reestruturação da epideme (camada superficial da pele) de uma forma mais rápida, possibilitando ao paciente um retorno às suas atividades normais num tempo mais curto.

Indicações:

Linhas de expressão faciais, especialmente aquelas ao redor da boca, dos olhos, das maças da face e da testa;
Flacidez de pálpebras e do contorno facial;
Manchas faciais;
Cicatrizes, principalmente as de acne.
A Dra. Kelinn Avelar utiliza o aparelho Smartxide CO2 – Deka Lasers – (ANVISA)